12 de dezembro de 2010

A moda de Vera Oriente


Por Bruno Zanini Kairalla
Contato: bruno.kairalla@gmail.com
- Fotos-reportagem: Deyver Dias

 Da Ilha da Torotama ao sonho de um dia abastecer com sua criatividade o mundo da moda. No entanto, com o passar do tempo, ela não só passou a integrar o meio, como já se tornou para clientes, alunos e amigos, uma das maiores referências do segmento na cidade do Rio Grande. Modista autodidata, sua maior especialidade é confeccionar vestidos femininos exclusivos na área da alta costura.
Aos 37 anos, Vera Oriente recebeu nesta semana a nossa equipe de reportagem, em seu ateliê localizado no centro da cidade. Pouco acostumada com a imprensa, mostrou-se a princípio até meio que desconfiada quanto ao conteúdo e abordagem da matéria. 

Entretanto, passadas as apresentações iniciais, a insegurança cedeu lugar para uma tímida, curiosa e guerreira mulher. Admirada por tanta gente que já deteve de um pouco do seu conhecimento, explicamos a Vera que seu nome foi sugerido por uma leitora e aluna do curso de corte e costura. Atentamente, começamos então, a ouvir a trajetória desta talentosa artista.
Autodidata, Vera nunca precisou de um curso para testar suas aptidões, estas impulsionadas pelo dom natural manifestado ainda na infância, e também pelo poder de observar a rigor e de forma criteriosa os mínimos detalhes. A prática sempre ocorreu de forma natural. “Adorava criar as roupas da minha boneca Susi”, lança ela. 

Saudosa, recorda da inspiração e da certeza que teve sobre a profissão quando olhava hipnotizada no início da juventude os capítulos da primeira versão da novela Ti Ti Ti, entre 1985-86. “Não consegui assistir esta nova versão, mas era apaixonada pela novela quando pequena”, aponta. 

O início de sua trajetória se remonta ao bairro rio-grandino Cohab II, onde foi morar assim que casou aos 18 anos. Para a primeira filha, hoje com 18 anos, inventou de criar um vestido num dos aniversários de infância. 
- Uma vizinha viu e me pediu que confeccionasse o da sua filha. Outras pedidos foram aparecendo e daí não parei mais - recorda. Mãe de um menino de oito anos, Vera logo ganhou notoriedade no bairro, onde depois inauguraria o seu primeiro ateliê.

Trabalhando com peças de alta costura, Vera explica a diferença do seu trabalho para o de um estilista. 
- Modista é quem faz qualquer roupa sem depender de outras pessoas. Faço o molde, corto e monto qualquer peça. O estilista cria um estilo de roupa, desenha e passa para alguém costurar - compara. 

Perfeccionista e centralizadora, Vera atua só, sem ajuda de funcionários.  

- No máximo a minha filha me ajuda em algum bordado ou alguma de minhas alunas que estão em nível mais avançado no curso me ajudam em algum detalhe. Sou muito detalhista -, indica Vera. E confessa também que para dar conta da demanda, trabalha muito e não se nega a virar noites costurando. - É comum. Não durmo, não como, fico concentrada - diz ela, que ainda completa: - Gosto muito do que faço e tenho um sério problema de cobrar o meu trabalho, pois gosto de fazê-lo - sinaliza. 
O relacionamento com os clientes ocorre de forma direta, o que para ela faz toda a diferença. 

Devido a todos os compromissos que administra, Vera atende suas clientes no seu ateliê de costura, localizado na rua Silva Paes, 361, sala 5, em horário específico: das 17h30min às 19h.

Dentro da alta costura, a modista fala que é muito comum as mulheres pedirem para recriar o modelo de um vestido usado por alguma personalidade. - Principalmente os usados na noite do Oscar, geralmente os mais solicitados pelas formandas e madrinhas - declara. 
Vera aponta ainda que os modelos usados por Jennifer Lopez, Jennifer Aniston e a global Deborah Secco, são sempre os mais visados. “O modelo é o mesmo, o que mudam são os detalhes, a cor. As clientes gostam de dar uma incrementada dependendo do gosto de cada uma”, adiciona.

Contando com a ajuda de duas estagiárias do curso de Moda da UCPel, uma responsável por criar a coleção e a outra por organizar o evento, Vera aceitou pela primeira vez o desafio de promover o desfile de suas peças. Ocorrido no fim do mês de novembro, a iniciativa foi um sucesso.

Moda em Rio Grande

Para quem anda nas ruas é fácil perceber o pouco valor que os rio-grandinos creditam a moda. Um cenário confirmado por Vera. - O estilo aqui é mais praiano, talvez, pela influência do mar. As pessoas andam mais simples, soltas, não utilizam tanta maquiagem. As adolescentes não ligam muito para moda. No entanto, começo a perceber uma mudança de comportamento nas meninas acima dos 18 anos, que, geralmente, se  mostram mais ligadas, trocam a rasteirinha pelo salto alto. Elas se preocupam mais com a imagem - frisa a modista. 

Vera ainda atesta que esta certa despreocupação com o visual dos papareia está presente até nas situações mais formais. - Outro dia fui numa formatura em que três formandas usavam o mesmo vestido; mudava só a cor. Além de ser comum ver meninos de boné em aniversários de 15 anos, meninas com vestidos curtos demais, de malhas simples. Não há muita preocupação com usar algo diferente, exclusivo - aponta a profissional, que rejeita na moda a reprodução em série de peças. - Preocupo-me muito em fazer um trabalho exclusivo, com um acabamento diferenciado e um toque personalizado. Gosto de misturar estilos e detalhes - acrescenta.

Curso de corte e costura
A propaganda é viral, efeito do boca a boca. Sendo assim, há cinco anos, Vera Oriente reveza o atendimento de sua clientela as aulas sempre lotadas que ministra numa das amplas salas de seu ateliê. O curso, que oferece uma nova oportunidade na vida de muitas mulheres, é um dos xodós de Vera, que fala dele com muita propriedade e carinho.

Isto porque em certo ponto da entrevista, ela comenta que não teve a mesma chance de ser ensinada. Agora ela compartilha seus conhecimentos práticos com suas alunas que também se tornam boas amigas. “Gosto de ver a evolução delas. A maioria começa aqui sem saber usar uma máquina até fazer peças para mostrar as suas amigas. É muito gratificante”, discorre.


Com duração de cinco meses, de março a agosto, a modista se reveza em seis turmas, três de nível básico e outras três de nível avançado. As aulas ocorrem nos três turnos: manhã, tarde e noite. - Quando chegam no nível avançado o que mais me realiza é ver quando o acabamento de suas peças fica impecável. Daí elas conseguem fazer de tudo, de vestidos de alta costura até peças do dia a dia, como casacos de inverno, que considero uma das peças mais difíceis - acentua.

Para cada conclusão de nível é feita uma cerimônia de formatura, em que as alunas além de desfilarem com uma toga, desenvolvem dois looks a serem apresentados para famílias e amigos. Com certeza, um dos sonhos concretizados de Vera Oriente.

Planos e reconhecimento

Ainda nessa área de sonhos e planos para o futuro, Vera sabe que com o seu crescimento e também com o da cidade em que vive, precisará em breve expandir seu negócio. - Quero me focar no futuro mais na área de vendas, mas sem largar o curso -, salienta a modista, que fala ainda sobre o reconhecimento do seu trabalho: 

- Durante muito tempo eu não elogiei o meu trabalho, sempre fui muito crítica e humilde. Só me dei conta que eu era diferente, digamos mais rápida, ágil, quando comecei observar outras pessoas. Mesmo assim, sempre trabalhei com muita humildade dentro do que eu sei e gosto de fazer. Hoje em dia percebo que eu trabalho legal e que as pessoas gostam do meu trabalho, do meu estilo -, conclui.

VERÃO 2011
Dicas quentes de Vera Oriente
** Contato: (53) 3201-2972

Estilo: “Nestas últimas estações a moda fez um retorno aos anos 80 e ela continua a resgatar isto neste verão, passando uma mensagem romântica, seguindo também um estilo medieval. O tom e detalhes em nude que entraram no verão passado devem permanecer nesta estação. Atenção especial aos calçados coloridos, bem floridos, estampados. 


Os vestidos também estão mais estampados, usados também em festas. Isto porque a tendência era apostar nas cores mais neutras e sóbrias, porém, nesse ano o destaque é exatamente essa mistura de cores. As cores estão mais vivas. Os tingimentos artesanais, manuais, também estão com toda a força”.


Detalhes: “Continuam a fazer toda a diferença para compor o visual. Neste ano, a aposta é no plisse. Continuam em vigor os babados, as aplicações de flores, os laços. Há uma tendência também nos franzidos”.


Acessórios: “De volta os dourados, quanto mais ouro, mais bonito [risos]. O strass continua em vigor e as pérolas que vieram neste inverno continuam em alta no verão”.


Cores: “No dia a dia as mais florescentes possíveis. O destaque fica por conta dos tons de azul Royal, turquesa, nos tons alaranjados, no verde limão e pistache, rosa Pink e amarelo ouro. O vermelho está sempre em alta, mas agora mais ainda, seja no batom ou nos detalhes”.


Brilho: “No ano passado as peças com brilhos estavam mais em alta. Neste ano a moda segue mais fosca, ela aposta mais na estampa mesmo, até porque os bordados praticamente saíram. O paetê, também em alta no ano passo, perdeu força na nova estação”.
Maquiagem: “Está seguindo a mesma tendência das roupas, em cores vibrantes. Mas, cuidado: não sobrecarregue no visual. Se for um vestido mais chamativo, o melhor é deixar a maquiagem mais sóbria”.

Beleza em todas as cores

Desde setembro, a modelo Camila Lemos Gomes é uma das pupilas da New Eyes - Agência e Produção. Estudante do curso de Direito, essa bela morena mostrou no ensaio realizado para o Mulher que está no esplendor da beleza aos 20 anos.
Em 2009 foi eleita embaixatriz cultural, representando as tradições gaúchas na realização das multifeiras rio-grandinas, Fearg/Fecis.  Recentemente também foi uma das 20 candidatas que brilharam no concurso à nova corte da 13ª Festa do Mar.
No ensaio realizado na praia do Cassino e também na região da Ponte dos Franceses, Camila mostrou que além de beleza e bom humor, conta com a desenvoltura que pedia os momentos captados pelas lentes do fotógrafo Deyver Dias. - Sempre tive um olhar adiante, sou assim - diz Camila sobre sua personalidade. 


Quanto sua atual perspectiva de vida, a moça de curvas acentuadas, destaca: "Muitos podem ter o que tu tens, mas ninguém pode ser o que tu és”.

Para a jovem que considera a nova estação que se aproxima como "uma verdadeira inspiração para uma vida saudável", comenta sobre o que mais a atraí no mundo da moda: 

- Experimentar e expressar estilos diferentes, irreverentes e inovadores. A moda é uma das melhores formas de expressão que também traduz tudo aquilo que sentimos, quem somos ou mesmo como encaramos o mundo -, pontua. Durante o ensaio, Camila usou dois vestidos estampados da coleção de Vera Oriente e que aposta nas curvas, no top, nos detalhes e no corte acinturado, todo o seu diferencial.

11 comentários:

  1. Fiz meu estágio de conclusão de curso no ateliê da vera,trabalhando como estilista pois fui responsavel por toda a criação dos modelos da coleção primavera-verão 2011, fiquei feliz em ter ajudado a vera a fazer o primeiro desfile do ateliê junto com minha colega de curso Fernanda Juliano, a qual fez a produção do desfile. tivemos muita satisfação em ter trazido esta novidade para o ateliê.

    ResponderExcluir
  2. Adorei a matéria pois acho que ela resume bem o que está na moda neste verão! Parabéns a equipe do Mulher!

    ResponderExcluir
  3. Oi, meu nome é Regina e eu queria saber onde fica a loja de vera...

    ResponderExcluir
  4. aquela foto das maquiagens ficou muito legal e ela resume bem as cores do verão so não vi onde foram feitas as fotos para a reportagem mas gostei bastante de tudo o que foi mostrado. obrigada

    ResponderExcluir
  5. Adoro este blog em principal as matérias de moda

    ResponderExcluir
  6. tenho uma loja e gostaria de saber mais informações para a realização de uma materia. obrigada

    ResponderExcluir
  7. Queria saber onde fica esta agência da Camila?

    ResponderExcluir
  8. Arrassou modelo Camila da New Eyes!
    Belissímas fotos.

    Agencia de modelos é primeira da cidade de Rio Grande e tem site próprio pode procurar na net.
    Tem ótimo modelos!
    Vivian Freitas

    ResponderExcluir
  9. Marilei Pereira as dicas para o verão estão ótimas. adorei!

    ResponderExcluir
  10. A Vera Oriente é uma guerreira, vencedora e muitíssimo talentosa. Temos sorte de tê-la na nossa cidade de Rio grande.

    ResponderExcluir
  11. Aluna e amiga Elaine25 de março de 2011 16:24

    Isso mesmo,a Vera é uma guerreira,vencedora e muitíssimo talentosa. Temos sorte de tê-la na cidade de Rio Grande.

    ResponderExcluir